Parque Nacional Yosemite

>> quarta-feira, 28 de maio de 2014

É muito difícil para mim falar do Parque Nacional Yosemite. Fiquei tão deslumbrada com as belezas naturais de lá que não encontro palavras para descrevê-lo. O local me acolheu de maneira tão boa e serena, que fico emocionada ao pensar nele. Foi uma experiência celestial. Se você já teve sensações parecidas em algum lugar, sabe do que estou falando.

Enquanto percorríamos o Yosemite, tudo o que consegui sentir foi uma profunda humildade e gratidão a Deus por Sua maravilhosa obra. Quantos presentes Ele concede para a humanidade! E o Yosemite é um destes presentes. O parque tem 9.000 anos de história para nos contar. É natureza pura! Imagine!

Os americanos estão de parabéns pelo cuidado e conservação do Yosemite. É preservado, limpo e organizado. Também senti que o parque é muito amado por seu povo. Que lindo presenciar esse cuidado com um patrimônio realmente especial.

Por isso tudo, o Parque Nacional Yosemite está no topo da lista dos lugares mais lindos e românticos que já fui em toda a minha vida. E eu vou mostrar por quê.


A caminho do El Capitan

El Capitain







Bridalveil fall

Detalhe de Bridalveil fall

Paredão rochoso a caminho do Mirror Lake
Há muitas cachoeiras pelo Yosemite e, com a organização louvável dos americanos, é possível chegar às cachoeiras de carro, estacionar e andar pouquíssimos metros até a queda d’água. Os “trilheiros” não precisam desanimar: há muitas trilhas por entre os vales de pinheiros, inclusive para se chegar sobre as rochas das cachoeiras. Reparem na altura desta cachoeira, em comparação ao público.

Mirror Lake







Segundo o Wikipedia, o Yosemite tem 3.081km. Sim, é enorme. Só mesmo de carro para explorá-lo um pouquinho. Acho que levaria anos para conhecê-lo por completo. A propósito, é altamente recomendável ir de carro para conhecer o parque – principalmente se tiver pouco tempo. Não há com o que se preocupar: entre subidas e decidas, há estradas conservadíssimas e bem sinalizadas. Também há trilhas asfaltadas, como esta abaixo, a caminho do Mirror Lake.
Trilha a caminho de Mirror Lake - percorre-se a pé
Raízes de pinheiro - tronco caído

A propósito, foi nesta visita ao Yosemite National Park, que eu e o marido tocamos na neve pela primeira vez !!!!











Deve haver entradas diferentes circundando o Parque, dependendo da região em que se está na Califórnia. Nós entramos na região da cidade Oakhurst. O ingresso ao parque custa USD 20 por carro e tem validade de 7 dias. Compramos o ticket na própria guarita de entrada. Ao comprá-lo, o funcionário da guarita (vestido a caráter como o tiozinho da foto abaixo), nos deu também um jornalzinho e mapa, ambos do parque.





Passamos 2 dias por lá, cerca de 8h horas por dia. Parece muito tempo, mas não é. O Yosemite é enorme e lindíssimo, não se percebe o tempo passar. Durante o percurso nos deparamos com belíssimas paisagens. Seja na imensidão de um desfiladeiro ou um pequeno riacho. O Yosemite é soberano em sua natureza e tranquilidade.

Lá há ursos. Muitos. Não vimos nenhum pero que “los hay, los hay”. A propósito, aquele urso Smokey (do desenho), “mora lá”. A recomendação da administração do parque é não sociabilizar com os ursos. Em geral, eles têm medo do ser humano mas se perdem esse medo, tornam-se agressivos.

Não cruzamos com os ursos (graças a Deus!) mas encontramos outros bichinhos fofinhos! Sim... Vimos “bambis” na estrada – não deu tempo de tirar foto. E esse esquilo bem desinibido que chegou bem pertinho da gente.

Já fora do Yosemite, na cidade de Oakhurst - há uns 30 minutos da entrada do Parque - encontramos a Big Cedar Springs, loja de souvenirs de madeira, repleta de esculturas de ursos, outros bichos e objetos. Tudo muito fofo. Dentro da loja tinha ursinhos menores, que cabem na mala, consegui trazer um ursinho desses lá para casa.











Para os apaixonados pela natureza, o Parque Nacional Yosemite deve constar na lista de "lugares maravilhosos que tenho de conhecer". Como disse no início da postagem, o local que nos deixa “sem palavras”.

Beijos
Paula



Dicas importantes aos visitantes do Yosemite National Park:

* Encha o tanque antes de entrar no Parque Yosemite! Durante as 16 horas rodando por ele, não encontramos posto de gasolina. Roda-se muito por lá.

* Leve comida, água, suco... Nas regiões em que estivemos não havia restaurantes nem lojas de conveniência. Fomos prevenidos e fizemos paradas para lanchinhos. Há áreas para pic nic.

* Encontramos banheiros públicos. Dá para aliviar na hora do “aperto”. rs

* GPS ajuda mas é importantíssimo um bom senso de direção. O parque é enorme e o GPS pode fazer você rodar kilometros até chegar a um retorno registrado nele quando dar “meia volta” com o carro bastaria.

x.x.x

18 comentários:

✿ chica 28 de maio de 2014 11:25  

Nooooossa, que lindo lugar! Deve ter sido maravilhosa a experiência! Lindas fotos,adorei! bjs,chica

Cristiane Marino 28 de maio de 2014 11:25  

Paula que viagem mais linda!
Um dos meus sonhos é visitar o Yosemite e se possível avistar um urso…
Bjs querida e bme vinda!

Guloso e Saudável 28 de maio de 2014 12:00  

Bom dia Paula,
Pelas fotos e seu encantamento é um local em que não damos pelo tempo passar, é lindo, apaixonante, adorei este passeio consigo, obrigada.
Beijos,
Vânia

Mª Fátima 28 de maio de 2014 12:03  

Que lugar divino! Amei as imagens. Bjs e ótima quarta-feira.

Lylia Diógenes 28 de maio de 2014 12:31  

Você quase me mata de saudade! Estive em Yosemite há muitos anos atrás em uma viagem inesquecível!
Parabéns pelas fotos e descrição do lugar, que estão perfeitas.
Bj,
Lylia

Gabriela Rodrigues 28 de maio de 2014 14:28  

Lindo mesmo, Paula! Só preciso convencer o marido!! rsrs...
Se vc gosta de natureza e quer se deslumbrar vc precisa ir pra Mendoza mesmo, fazer o passeio "Altas Montañas" que fiz...!
Natureza é tudo de bom, deixa a gente babando =)

beijossss,
Gábi

Marly 28 de maio de 2014 15:28  

Oi, Paulinha,

Eu sempre quis conhecer este parque e tive até um tempo de "colecionadora" de imagens do mesmo, rsrs. Agora, depois deste post, me sinto obrigada a ir lá, rsrs. O post ficou muito bom!

Um beijo

Andréa 28 de maio de 2014 17:01  

Paula,
as fotos parecem pinturas de tão perfeitas.
Deus só nos proporciona coisas maravilhosas, pena que muita gente tenta destruir.

Bjs, fique com Deus!

Heloísa 28 de maio de 2014 17:14  

Que parque lindo, Paula.
Sua viagem deve ter sido maravilhosa.Beijos.

Nanda Bez 28 de maio de 2014 17:47  

Que lugar lindo! E as fotos estão muito lindas também, você mesma quem tira? Eu tenho paixão por esses esquilos, pena que não temos por aqui :~ Beijos!

Lia Teixeira 28 de maio de 2014 17:47  

Que fotos magníficas e que locais fantásticos!
Beijinhos,
Lia.

Danni e Lype 1 de junho de 2014 19:25  

Querida Paulinha,
Que lugar INCRÍVEL!!! AMEI!!!
Linda, muito obrigada pelas mensagens!!! Eu tentei te ligar várias vezes mais sem sucesso... Não sei o que acontece...
Eu estou bem e minha mãe também está se recuperando bem. Muito obrigada pela sua preocupação e pelo seu carinho...
Logo logo, estarei voltando. Mas, ainda está difícil arranjar um tempinho.
Grande beijo, Irene

Carol Vieira 5 de junho de 2014 20:48  

Paula,

Demorei, mas consegui vir aqui, rs.

Que parque mais lindooooo! Cada vez mais vejo que preciso voltar a California. Eita lugar lindo né?

Ameeei as fotos... As paisagens são lindas e quantos bichinhos fofos, rs.

Beijos :o))

Halinka 6 de junho de 2014 00:41  

CUDOWNE ZDJĘCIA!!! Pozdrawiam serdecznie

Bia Costa 7 de junho de 2014 11:24  

Paula que lindo parque, um passeio realmente inesquecível!
Bjos

Renata Boechat 7 de junho de 2014 17:21  

Minha amiga, suas fotos do Yosemit estão lindíssimas,
Estive aí em Janeiro deste ano, e de fato o lugar é mágico, a energia da natureza é de enlouquecer,
Qualquer dia posto as minhas fotos, apesar de não estarem nem de longe tão bonitas quanto as suas,
Viajar é bom demais né?

Beijo grande.

Bia Jubiart 16 de junho de 2014 03:59  

Paula, pulei a sobremesa e vim me deslumbrar com estas belas imagens do passeio de vcs.
A natureza é mágica e nos dá um pouco a dimensão da bondade de Deus.
Amei!
P/ vc e maridão uma semana luz!

Bjooooooooo

CASA DOS FOGÕES 29 de outubro de 2015 21:21  

Olá, adorei as descrições e fotos! Vou em 2016 e gostaria de recomendações de hotel no local. Gostei do camping dentro que é o Curry Village, mas com o dólar nas alturas, o preço ficou salgadíssimo, sem contar que parece um pouco simples d+ e como estaremos lá no dia do aniversário do meu noivo, pensei em ficar em algum hotel legalzinho. Como será alta temporada, só achei algumas coisas a 1h, 1:30h do parque, ao redor da Oakhurst. O que você acha? Muito pesado ou vale a pena? Em que hotel você ficou???

Back to TOP