O fantástico bolo de fubá da Josy

>> segunda-feira, 23 de abril de 2012


Este fantátisco bolo de fubá veio do maravilhoso blog de culinária da querida Josy, o Cozinhando com Josy. Sou frequentadora assídua de lá, que me remete à uma cozinha provençal, aconchegante e morna -  sempre perfumada com açucar, canela, cominho, noz moscada e outras especiarias da nossa culinária brasileira. Acho que a Josy tem "mãos de fada". Daqui de longe consigo degustar os bonitos pães, bolos e tortas que ela faz.

Por tudo isso, quando lá vi a receita deste bolo de fubá, sabia que seria satisfação garantida. E foi! Aqui em casa fez um enorme sucesso e no trabalho também! Levei alguns pedaços para o pessoal do Escritório e muitos agradeceram e elogiaram. Até pediram a receita.

Aí vai, então,a repdrodução da receita, extraída do blog da Josy. Nota: só excluí a farinha de trigo (não usei) e bati tudo no liquidificador.


Bolo de fubá divino

Ingredientes

2 xícaras (chá) de leite
1 1/2 xícara (chá) de fubá
1 vidro de leite de coco
3 ovos
2 colheres (sopa) de margarina
1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado
1 lata de leite condensado
1 1/2 xícara (chá) de açúcar (usei 1 xícara)
1 pacote de coco ralado (usei de 50grs)
1 colher (sopa) de fermento em pó


Modo de preparo

No liquidificador, bata o leite com o fubá, o leite de coco, os ovos, a margarina, o queijo, o leite condensado e o açúcar até ficar liso. Se preciso, bata em 2 vezes, dividindo os ingredientes. Adicione o coco e o fermento e misture. Coloque em uma assadeira 34 x 28 cm, untada e enfarinhada. Asse em forno preaquecido a 200ºC até dourar, ou faça o teste do palito.

~.~

Bejios e uma linda semana a todos!

Paula

Read more...

Filé de pescada branca com molho de alcaparra

>> quinta-feira, 19 de abril de 2012

Prato rápido e de simples preparo. Temperei alguns filés de pescada branca com limão, sal, pimenta do reino, uma pitadinha de cominho e de alecrim. Reservei. Fui em busca dos demais ingredientes.

Estando tudo à mão, iniciei o preparo do peixe. Em uma colher de sopa de óleo, refoguei 1 cebola média cortada em cubos. Quando a cebola ficou transparente, deitei os filés na panela e deixei-os cozinhando em fogo baixo. De vez em quando agitei a panela (não os filés).  Estando os filés devidamente refogados, salpiquei sobre o peixe 1 colher de sopa de salsa picadinha. Desliguei o fogo e mantive a panela tampada.

Para o molho de alcaparra... Bem... Tentei várias receitas sem muito sucesso. Finalmente concebi o "meu" molho, que é o da foto. Fiz assim: em fogo baixo esquentei 1/2 xícara de azeite. Feito isso, adicionei 1 tomate grande sem semente e cortado em cubos pequenos, e também alcaparras à gosto. Refoguei tudo muito rapidamente, sem deixar desmanchar o tomate. 

Coloquei o molho no peixe só após este estar servido no prato.

Como complemento servi mandioquinhas cozidas em água e sal.  Mandioquinha é um tubérculo bem amarelado, usado na culinária brasileira. Ela é bastante popular aqui em São Paulo na forma de purês, cremes e até cozidas, como acompanhamento.

Beijos a todos e um lindo fim de semana!

Paula



Read more...

Bolo de banana e um meme dos 11

>> quinta-feira, 5 de abril de 2012

Um dos meus livros de culinária predileto é o Dona Benta. Todas as receitas que experimento deste livro ficam deliciosas. Uma delas é este singelo bolo - fez tanto sucesso com o Principe Encantado que repeti a dose poucos dias depois.


Bolo de banana 

Ingredientes
3 bananas nanicas maduras
1 e ½ xícara de chá de açúcar
100 gr de manteiga derretida
2 ovos graúdos
1 e ½ xícara de chá de farinha de trigo peneirada
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de chá de fermento em pó
1 colher de chá de essência de baunilha
½ xícara de chá de nozes picadas
Pitada de sal
Canela a gosto
Açúcar de confeiteiro


Modo de preparo
1. Aqueça o forno a 180ºC. Unte uma forma tipo pão de forma (ou 2 de bolo inglês) com manteiga e enfarinhe. Retire o excesso. Coloque as bananas em uma tigela e amasse com o açúcar.

2. Com ajuda de um batedor, bata a mistura incorporando os ovos, a manteiga, a essência de baunilha. Em outro recipiente misture a farinha, o fermento, o sal e o bicarbonato. Adicione à mistura de bananas sem bater o excesso.

3. Adicione as nozes. Despeje a massa na forma e leve ao forno aquecido por cerca de 50 minutos. Teste com um palito.

4. Retire da forma e salpique com açúcar de confeiteiro e canela.


Espero que gostem! O bolo fica escurinho mesmo - até parece de chocolate. O prato da foto foi pintado pela minha sogra especialmente para mim! Ela pinta porcelanas e telas. É uma artista porque faz verdadeiras obras de arte! Ainda vou postar a terrina que ela pintou para vocês verem que linda!


A seguir está minha participação no...


Meme dos 11

Fiquei super feliz com a lembrança e convite da querida Paty do Meu canto na cozinha para participar do meme dos 11 - brincadeira para falar um pouquinho da gente.

A regra é contar 11 fatos sobre mim, responder às 11 perguntas que a Paty fez, criar 11 novas perguntas, escolher 11 novos blogs para participarem e avisar, colocar as regras no post.

Participarei da brincadeira parcialmente porque deveria indicar blogueiras, mas achei melhor não especificar. Prefiro estender o convite à todas queridas blogueiras que quiserem e tiverem um tempinho para falar um pouquinho mais de si. Ficarei muito feliz em saber mais a respeito das amigas que estão sempre presentes!


11 fatos sobre mim


1. Quando eu era criança, meu bolo favorito era o Floresta Negra. Hoje são todos os bolos que não engordam. rs rs rs

2. Fiz ‘colegial’ técnico em Secretariado. Comecei como minha carreira profissional como estagiária de secretariado em um escritório de Engenharia.

3. Por volta dos 16 anos trabalhei por alguns meses em uma vídeo locadora (faz tempo hein?) perto da casa onde eu morava. Era um emprego delicioso porque a jornada era de ½ período e passava o tempo todo assistindo filmes. Lá conheci uma colega de trabalho que se tornou uma querida amiga e com quem mantenho contato até hoje.

4. No meio da adolescência fui gótica – me vestia toda de preto e saia com um bando de adolescentes (góticos, claro! rs). Tudo isso muuuiittoo antes de aparecer aquele gótico da novela da Globo e “ser” gótico virar moda. Essa fase durou poucos meses (ufa). Também mantenho até hoje queridas amizades daquela época.

5. Tirei minha carteira de motorista com 25 anos - muito mais tarde do que a maioria dos motoristas da minha geração.

6. Me graduei com 28 anos – também muito mais tarde do que a maioria dos graduados da minha geração.

7. Entre o colegial e a faculdade, estudei alemão e inglês comercial – estes idiomas foram fundamentais para eu me inserir no mundo das multinacionais, com 21 anos.

8. Passei por uma enfermidade nutricional que, durante 8 meses, fez-me abster de laticínios, glúten, frutas ácidas, sementes, folhas, doces e uma série de comidas gostosas. Em 3 meses emagreci 10kg, sem praticar nenhuma atividade física. Depois que melhorei, comi tanto que ganhei 15kg! rs rs rs

9. Meu esporte favorito é a natação. Entretanto, não consigo praticar devido à instabilidade da minha jornada horária. As academias não têm horário flexível para aulas de natação.

10. Assim como a Paty, meu signo é Escorpião e exatamente como acontece com a Paty, muita gente me olha torto quando falo isso mas a verdade é que sou super tranquila rs rs rs

11. Realizei um sonho fazendo um mochilão pela Europa. Percorri 7 países em 20 dias. A viagem foi independente - toda programada por mim. Fiquei em albergues da juventude e peguei trens e ônibus para ir de um País a outro.


Perguntas da Paty para as participantes do meme

1. Qual é a sua receita favorita, que se pudesse faria toda semana? Estrogonofe de carne e para sobremesa a gelatina colorida.

2. Do que você tem medo? De ter algum problema de saúde a ponto de depender das pessoas para fazer as coisas.

3. O que te deixa feliz quando você está triste? Receber um telefonema (ou e-mail) inesperado de algum amigo ou familiar, para saber como estão as coisas ou contar boas coisas.

4. Quantas cidades você já conheceu no Brasil e no mundo? Hmmmm... São poucas...

No Brasil - excluindo as cidades do Estado de São Paulo: Maceió (AL), Penedo (AL), Recife (PE), Olinda (PE), Rio de Janeiro (RJ), Paraty (RJ), Visconde de Mauá (RJ), São Tomé das Letras (MG), Bandeirantes (PR) e Foz do Iguaçu (PR).

No mundo:, Presidente Stroessner (PY), Buenos Aires (AR) Taiti, Moorea, Huahini – as 3 na Polinésia Francesa, Longmont (EUA), Central City (EUA), Denver (EUA), Amsterdam (NL), Bruxelas (BE), Berlim (DE), Viena (AT), Paris (FR), Londres (GB), Zurique (CH),

5.Qual o seu tipo de livro? Tem um preferido? Livros de história, de filosofia e culinária.

6. Que época do ano você mais gosta? Porque? Outono. Gosto da variação de temperatura, das manhãs e entardeceres mais frescos, do céu azul e vento frio entre as árvores.

7. No que você pensa quando está cozinhando sem ninguém perto? Nas pessoas que fazem parte da minha vida – principalmente amigos e família, nas minhas histórias, em situações atuais.

8. O que te deixa inspirada para fazer uma receita? A curiosidade em relação ao sabor do prato e os ingredientes.

9. Que profissão você sonhava ter quando era criança? Enfermeira.

10. Para quem você mais gosta de cozinhar? Para o meu esposo. É meu mais amado crítico – é sincero e, graças a Deus, gosta de grande parte dos pratos que preparo.

11. O que faz nas horas totalmente livres? Deito no sofá e assisto filmes, jogo “Farm Frenzy”, olho livros e revistas de culinária e decoração, faço postagens e visito meus queridos blogs.

~.~

Desejo a todos um lindo feriado – seja de festa ou de descanso, que tenha alegria, harmonia, saúde e fartura!


Um beijo

Paula

Read more...

Back to TOP